quarta-feira, 17 de julho de 2013

SÍMBOLOS DA JMJ RIO 2013 NO SANTUÁRIO DA PENHA


Católicos de todas as idades se reuniram nesta manhã, 13 de julho, no Santuário da Penha, Vicariato Leopoldina, para receber a Cruz peregrina e o ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude Rio 2013. Os agentes da Pastoral da Saúde do Rio de Janeiro também estiveram presentes em sua terceira peregrinação arquidiocesana. 
Dom Orani João Tempesta, Arcebispo da cidade, celebrou a Santa Missa na Concha Acústica do Santuário da Penha, momento de preparação e vivência da JMJ Rio 2013. “Nós confiamos no Senhor que o que estamos vivendo dará muitos frutos”, afirmou o Arcebispo.
 No início da Celebração, Dom Orani saudou os fiéis e os membros da Pastoral da Saúde. Lembrou que junto da cruz está Maria, que está sempre junto daqueles que sofrem. Durante a homilia, Dom Orani ressaltou que todo cristão é chamado a levar a sua cruz, lembrando que a Pastoral da Saúde é presença cristã em meio aos que carregam a cruz da doença.
Ao término da Santa Missa, todos os fiéis que comungaram e participaram da Santa Missa receberam a Indulgência Plenária, após rezarem o Credo e o Pai Nosso.
O voluntário Giovanni Pereira, 18 anos, declarou que se sente honrado porque os símbolos da JMJ, que percorreram várias partes do mundo, estão sendo recebidos em sua comunidade. O jovem participa das pastorais da Crisma e do Grupo Jovem, na Paróquia Bom Jesus da Penha. 


Padre Geovane Ferreira da Silva, da Paróquia Sagrada Família, no Complexo da Maré, que também esteve presente, ressaltou que a chegada dos símbolos da JMJ no Vicariato Leopoldina é um momento de celebração da unidade da Igreja, que experimenta Jesus e Maria, que experimenta o Reino do Céu.



                

Nenhum comentário:

Postar um comentário